Uncategorized

A Room with a View… and a LARGE Window! :)

Dear all,

hoje até me sinto a Carrie do Sexo e a Cidade! Tenho a minha secretária virada para a janela gigante, o que eu sempre quis. Digam lá se não está a ficar like “home sweet home”? 😉

Image

Agora que tudo começa a ficar organizado… falta mesmo o mais importante, o motivo que me trouxe aqui.
Mas já consigo trabalhar sem ter de estar em cima da cama… As minhas costas queixam-se disso. 😦  Alguém se oferece para uma massagem????…. :))

Beijos!

Take Care,

Birdie

 

Advertisements

One thought on “A Room with a View… and a LARGE Window! :)

  1. Birdie:

    A room with a view… and a large window is a very suitable title for your post!

    Não sei como é a tua ideia de “home, sweet home”, mas esta parece estar a adquirir um toque bem pessoal e bastante “cosy”.
    Organizadíssimo também me parece; cores que combinam ao pormenor… Bem… eu a esta hora já teria tudo em revolução; mesmo que tentasse tirar um retrato para “fazer bonito”, algo iria com certeza denunciar-me.
    Tens a certeza que vives aí?!

    Uma massagem… uhm… eu sou boa nisso, mas estou um pouco longe… Melhor mesmo é tentares conhecer por aí um “masseur” jeitozinho, ou um jeitozinho hábil com as mãos…
    Quem sabe se os londrinos não são mais atentos e devotados que os nossos comparsas?! Digo isto só e apenas por experiência própria. Receber é delicioso, mas dar, massajando… Que não sabem, que não têm jeito, que têm medo de magoar, blablabla… as tretas do costume. Primitivos sim, é o que eles são. Mas quem me manda a mim dar demais, ou melhor, mais do que criaturas tais merecem?!
    Só rindo… só rindo mesmo… A “macheza” por estes lados, já sabemos, é excessiva. Tudo garganta. Na hora da verdade, ui que medo, escapuliram-se… E o leão aterroriza-se de medo na frente da presença dum simples gatito…

    São 7:44H da manhã, de um Domingo de Páscoa frio, embora o sol já tenha rompido. Vou passá-lo sozinha com a minha cadelinha Lilly. Não fui a Trás-os-Montes porque o dinheiro escasseia para 500km de viagem e alguns gastos extra que sempre se fazem por lá. E estas realidades nada têm de semelhante com as da “Carrie” do “Sexo e a Cidade” mas, por momentos, até gostava que tivessem. Poderia matar saudades de algumas (poucas) pessoas, e visitava a campa da minha mãe.
    Mas não vou fazer disso um drama. É só mais um Domingo que, por acaso é de Páscoa. Mais do que uma celebração cristã, é altura de renovação. Por isso vou tentar passá-lo da melhor forma, caprichando no almoço, fazendo aquilo de que mais gosto, talvez pintando, talvez lendo ou escrevendo, levando a Lilly a passear até à praia para ver o meu bicho feliz. Talvez medite um pouco, não sei. Não me obrigarei a fazê-lo. O resto pouco importa.

    Perdoa este “alongamento” no texto, mas acho que me perdi no tempo, o que me acontece muito quando escrevo. Muito provavelmente estava também a precisar de conversar. Não sei.

    Espero sinceramente que já tenhas encontrado o que procuras: o objectivo que aí te conduziu. Seja como for e se tal ainda não aconteceu é porque a hora ainda não chegou. Mas vais encontrar. Sinto que sim.

    Desejo-te um Domingo de Páscoa feliz e muitos outros dias felizes.

    Até breve.

    Beijinho.

    Celeste

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s